Perigo: poltrona para bebê – Nap Nanny

Muitas das minhas clientes perguntavam se eu achava importante comprar um posicionador para colocar o bebê. Na verdade trata-se mais de uma poltrona, que deixa o bebê confortável e relaxado, e muitas vezes várias mães usavam dentro do próprio berço para o bebê dormir melhor. Ele era conhecido como reproduzir a maneira que o bebê ficava “sentado” dentro da barriga da mãe. E a minha opinião sempre foi em não comprar, pois não achava nada necessário, além de ser um grande volume para levar ao Brasil.

nap nanny 1

E por coincidência, vi nas notícias aqui nos Estados Unidos que esse produto foi proibida a venda, e estão avisando a todos os consumidores para devolver o que já compraram! Fiquei chocada com a notícia e resolvi dividir com vocês, para alertar as mamães!

Veja a noticia:

Um sexto bebê morreu ao usar o “Nap Nanny” – uma cadeira infantil, disseram especialistas em segurança, e novamente recordaram os pais a parar de usar o produto. Ele já tinha ocasionado algumas mortes no passado, então foi feito um recall, e a empresa que produz teve que mudar vários detalhes da poltrona.

De acordo com a Consumer Product Safety Commission, ou CPSC, a última tragédia envolveu uma menina de 8 meses de idade, em Nova Jersey. O bebê ficou sufocado enquanto estava preso pelo cinto de segurança. Ela ficou presa entre o produto e a lateral do berço. Funcionários CPSC disseram que o bebê foi encontrado preso ao  lado do Nanny Nap.

O CPSC Communications Director Scott Wolfson disse que os pais devem evitar esse tipo de poltronas. Vale lembrar que existem mais marcas além dessa citada acima!

“Nossa mensagem para os pais é clara: parar de usá-lo. É perigoso “, disse Wolfson. “Houve seis mortes já, e nós não queremos que uma outra criança morra desnecessariamente.”

Cerca de mais de 165 mil Nap Nanny  poltronas foram vendidas entre 2009 e 2012. Elas já estão proibidas de vender em estabelecimentos comerciais e online. Elas já foram recolhidos no ano passado, mas por meses a empresa recusou-se a retirá-la das prateleiras ou oferecer as restituições, e seguiu insistindo na segurança do produto, quando utilizado corretamente.

Em um comunicado oficial, um funcionário com a empresa, agora fora do negócio por dois anos, disse à ABC News que estava de coração partido para as famílias que perderam um filho, mas disse que o Nap Nanny nunca foi destinado para ser usado em um berço.

É ilegal vender a Nanny Nap nos Estados Unidos, disse Wolfson. Então mamães fiquem atentas a isso! Já vi vários Blogs destinados a maternidade indicando este tipo de produto.

Fonte: ABC News