como-encontrar-a-baba-ideal

Babá ideal: como encontrar?

Escolher alguém que vai te ajudar nos cuidados com as crianças não é uma tarefa fácil. Muitas mamães mudam de profissionais o tempo todo por falta de identificação e por outras questões. Mas algumas dicas podem ajudar no momento da escolha, e hoje vamos te passar 5 delas. Atenção aos detalhes.

como-escolher-a-baba-ideal
Dúvidas na hora de contratar uma babá? Então anote essas dicas.

Dica 1 – Conexão com a babá

Esse é um dos pontos mais importantes na hora de escolher a babá. Pode ser que aquela que foi excelente para a sua amiga, não seja para você, assim como o enxoval de bebê, o pediatra e etc. 

Para saber se a afinidade existe entre vocês, realize uma entrevista com calma, procure saber todas as informações sobre a pessoa, o que vocês têm em comum. Esse momento de bate-papo é importante, pois existem pessoas que preferem babás mais quietinhas, já outras que preferem as extrovertidas, portanto, esse é o momento para conhecer melhor a profissional.

Dica 2 – Perguntas abertas

Ainda falando sobre entrevistas, faça algumas perguntas para a babá, de modo que a resposta dela tenha exemplos e explicações, não somente sim ou não. Você pode perguntar qual o tipo de brincadeira que ela faria com uma criança de um ano, ou de que modo ela acalmaria um choro incessante, por exemplo. Isso ajuda na tomada de decisão.

Dica 3 – A importância da qualificação

Se a gente procura os melhores médicos, os melhores enfermeiros, as melhores escolas para os nossos filhos, por que não procurar pelas melhores babás? Procurar uma pessoa com certificação profissional, ou investir nessa capacitação, pode ser algo interessante para ambas. Se você quer investir em capacitar a sua babá, super recomendamos a Babá Perfeita!

Dica 4 – As rotinas da casa

Deixe claro para a babá quais são as rotinas e regras da casa. Uso de celular, criança na frente da TV ou tablet, atividades dos pequenos, como é a rotina de limpeza do quarto, dos brinquedos, das roupas. Quanto mais claro isso ficar, menos surpresas você e a babá terão. Assim a contratação pode ser ainda mais fácil, pois você encontra de forma mais rápida quem se identifica com o seu dia a dia. 

Dica 5 – Fale da sua busca pela babá 

Para encontrar uma babá bacana, nada como indicações bacanas, e para que isso aconteça você precisa espalhar para todo mundo que está em busca de uma.

Pode ser que a indicação certeira não venha da família e dos amigos, mas da vizinha do seu prédio, da mãe que você conversa na reunião de pais na escola, ou no trabalho por algum colega que te ouviu falar sobre a procura. 

Por isso, fale mesmo, ao vivo, nos grupos de WhatsApp, nas DM’s do Instagram. As melhores indicações podem surgir dos lugares mais inusitados. 

Dica 5 – A experiência 

E se depois de todas as tentativas você contratar uma babá, mas sentir que ainda não é a pessoa certa, tudo bem. Não há problemas em começar mais uma vez a busca. Existe um período de 90 dias garantido pela lei, então é possível dentro desse tempo vocês analisarem se vale a pena continuarem juntas ou não.

O diálogo

O principal ponto é saber se a babá está aberta ao aprendizado que vai ser acompanhar cada uma das fases da criança. Os pontos acertados inicialmente na entrevista vão sendo modificados conforme o desenvolvimento dos pequenos, por isso, vale a pena contratar quem está sempre aberta a novas conversas e, consequentemente, novas formas de trabalho. 

Apesar de parecer uma missão difícil, se você conseguir estabelecer os pontos principais do trabalho e ter uma conexão bacana com a babá, tudo fica mais tranquilo. Como foram as suas experiências na hora de encontrar uma parceria para cuidar dos seus filhos? Vamos conversar sobre.