A papinha ideal

Geralmente o bebê começa a comer comida sólidas a partir de 4 ou 6 meses, dependo da indicação do pediatra. Mas a dúvida é: quais são os ingredientes que posso usar? Na introdução ao alimento sólido, o ideal e dar apenas 1 tipo de alimento por vez e ir testando cada tipo para ver se o bebê não terá nenhuma reação. Mas e depois, como fazemos uma refeição mais completa. Encontrei umas dicas no Blog Comer para crescer, que ajudará muito as mamães!

papinha 1

O que colocar devemos colocar na papinha?

Primeiro faça três listas (de volta às aulas de biologia…)
Alimentos energéticos (que dão energia): batata, arroz, macarrão, mandioquinha, batata-doce, mandioca etc.
Alimentos reguladores (que regulam os processos bioquímicos do organismo): abóbora, alface, beterraba, brócolis, espinafre, cenoura, chuchu, abobrinha etc.
Alimentos construtores (que ajudam na multiplicação

das células): carnes de boi, de frango ou de peixe, feijão, ovos, lentilha, grão de bico etc.
Agora é só escolher dois alimentos energéticos, dois reguladores e um construtor e está pronta a sua receita. Dá para criar muitas combinações e mais para frente você pode aumentar o número de alimentos escolhidos, sempre respeitando esse mínimo. Varie bastante para o seu filho experimentar o maior número de comidinhas.

papinha 2
Como fazer a papinha?

Pique todos os ingredientes que você escolheu e coloque em uma panela. Encha de água – é legal que o volume seja mais ou menos o dobro da quantidade de alimentos. Deixe cozinhar em fogo baixo até ficar tudo molinho. Passe por uma peneira até virar um purê – quando seu filho estiver mais acostumado, amasse com o garfo. Hora de temperar com sal, salsinha, salsão, cebolinha. Lembre-se que o maior segredo é você também gostar da papinha, sinal de que ela está mesmo gostosa. Isso tudo demora mais ou menos quarenta minutos (para você calcular a antecedência e não ficar no fogão com o bebê chorando de fome no carrinho).
A quantidade de cada ingrediente a ser usada você vai aprender no dia-a-dia, levando em conta o quanto o bebê come. Ofereça pequenas porções porque depois que ela for tocada não poderá ser reaproveitada.

Quanto dar a papinha?

Pela minha experiência, geralmente um bebê até os nove meses come de quatro colheres de sopa até cerca de uma xícara. Daí até um ano ela pode querer de uma xícara a um prato infantil cheio.

 

Fonte: Comer para Crescer